Recifense praticante

Você é um recifense praticante? Bom, para começar, vou explicar o que é isso…

Recifense praticante. Definição: adjetivo, multigêneros. Pessoa que vive o Recife de forma apaixonada, enlouquece quando escuta um frevo, adora caldinho de boteco, bebe água de coco em Boa Viagem, toma café da manhã nos mercados e ama ver o Recife do alto dos morros. Torce por um time da cidade, veste fantasia no Carnaval, vai ao desfile do Galo da Madrugada e dança ao som da praieira. Acredita que o oceano Atlântico nasce das águas do Capibaribe e Beberibe e não tem duvida: o mundo começa no Recife.

Eu sou apaixonada pela cidade onde nasci e moro. O Recife pode até ter todos os defeitos que costumam falar (fedorento, sujo, violento), mas é um dos lugares mais lindos que conheço.

Confesso que gostaria de passear mais por aqui, desbravar locais que poucos conhecem. Metas para este ano!

Vou colocar aqui uma lista de passeios turísticos que podem ser feitos pelos próprios recifenses:

1. Visitar o Gabinete Português de Leitura

Pouquíssimos recifenses já foram no Gabinete. No fim do século 19 e nas primeiras décadas do século 20, o Gabinete Português de Leitura  era um dinâmico centro de convívio, cultura e lazer, correspondendo às circunstâncias sociais da época. Para os comerciantes lusos que  tinham seus estabelecimentos  no centro da cidade, ir ao  Gabinete fazia parte da rotina. Lá se encontravam, trocavam ideias, falavam de saudade, liam os jornais que, por correio marítimo, chegavam com atraso, mas lhes davam  notícias das suas vilas e aldeias. Hoje, o Gabinete está quase esquecido. Até pelo poder público, diga-se de passagem. É muito triste passar na frente do Gabinete e ver tantos moradores de rua alojados por lá.

Endereço: Rua Imperador Pedro Segundo, 290, Santo Antônio.

Horário de visitação: Segunda a sexta das 8h às 12h e das 13h às 17h.

2. Ir no Museu do Homem do Nordeste

Taí outro programa que quase ninguém da cidade faz (exceto quando está na escola). “O Museu do Homem do Nordeste, criado pelo sociólogo Gilberto Freyre, reúne um acervo de cerca de 15.000 peças de caráter histórico, etnográfico e antropológico, que conduz à compreensão do modo de vida nordestino, desde as peças dos índios do Nordeste às manifestações do universo mental e comportamental desse Homem, proporcionando uma visão holística da cultura nordestina.”

Horário de visitação: Terças a sextas-feiras – das 8h30 às 17h e sábados e domingos – das 13 às 17h.

Endereço: Avenida 17 de Agosto, 2187, Casa Forte.

3. Acompanhar a programação do Santander Cultural

Sempre tem coisa boa no Santander Cultural. Este mês, por exemplo, tem a exposição Marco Amador: a perder de vista. É uma mostra do artista Paulo Meira, na Galeria Marcantonio Vilaça. Com curadoria do crítico de arte Fernando Cocchiarale, a mostra instalativa é a primeira de três exposições inéditas que integram o projeto Arte Contemporânea de Pernambuco na Galeria Marcantonio Vilaça. O trabalho de Paulo Meira mostra a construção de narrativas que diferem daquelas do cinema e da literatura, já que não são produzidas por meio da palavra falada ou escrita. Elas sinalizam processos de invenção e investigação ainda em curso. Não são conjuntos fechados, mas jazidas poéticas. (Até 3 de abril).

Além disso, tem música por lá. Março e abril são meses dedicados a dois gêneros musicais americanos em sua origem, mas com artistas e aficionados em todo o mundo: o blues e o jazz. Com uma origem negra comum, influenciam músicos de todos os estilos, inclusive no Brasil, onde muitos intérpretes e compositores vem se dedicando a realizar fusões destes gêneros com a música brasileira.

Endereço: Avenida Rio Branco, 23 , Bairro do Recife.

Programação cultural e biblioteca: De terça a domingo, das 13h às 20h.

Por enquanto é isso. Depois eu posto mais locais bacanas no Recife.

Beijos e bom fim de semana.

Aninha.

2 thoughts on “Recifense praticante

  1. eu não sou recifense, nem pernambucana, mas confesso que tenho um amor de todo tamanho por essa cidade! e apesar de todos os defeitos que ela apresenta, eu não consigo não admirá-la!
    gostei das dicas, tem uns lugares por aqui que eu realmente não conheço, mas quero ir em todos!
    inclusive se precisar de companhia quando for visitá-los é só ligar😉

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s